Plataforma vibratória triplanar

A PLATAFORMA VIBRATÓRIA TRIPLANAR é a excelência das plataformas. Com o seu movimento vibratório triplanar, torna os exercicios muito mais eficazes.
Seu uso causa instabilidade no corpo humano, pois cada vibração provoca um reflexo muscular involuntário, de 25 a 50 vezes por segundo. Tudo isso com o próprio peso do corpo, ou seja, mantendo a mesma massa corporal, o que estimula a força, resistência e melhora o condicionamento físico.
Entre os inúmeros benefícios, ele proporciona o fortalecimento, enrijecimento, flexibilidade, aumento da massa muscular e auxilia no combate à celulite. As vibrações da plataforma vibratória TRIPLANAR oferecem uma micromassagem nos nódulos de celulite, o que melhora a circulação sangüínea local e ajuda na quebra desses nódulos de gordura, melhorando a aparência da pele.

BENEFÍCIOS E RESULTADOS:

  • Potencializa os resultados do treino convencional;
  • Incrementa o ritmo do metabolismo de repouso e por isso aumento do gasto calórico diário;
  • Recupera a massa magra;
  • Reduz gordura visceral e subcutânea;
  • Melhora tônus muscular;
  • Reduz colesterol e excesso de gordura no corpo;
  • Aumenta o metabolismo basal auxiliando na redução do peso corporal;
  • Aumenta força muscular;
  • Alongamento muscular;
  • Melhora da coordenação muscular;
  • Aumenta densidade óssea (tratamento eficaz para osteoporose);
  • Redução da gordura corporal;
  • Fortalece e faz tratamento de dores e rigidez nas articulações;
  • Estimula o funcionamento do intestino;
  • Acelera a recuperação pós-esforço;
  • Aumenta a velocidade de reação;
  • Melhoramento do sentido de equilíbrio (labirintite)
  • Regeneração do tecido cartilaginoso;
  • Aumento da força explosiva.

CONTRA-INDICAÇÕES:

  • Peso limite do usuário: Até 150kg;
  • Problemas visuais na retina;
  • Graves problemas vasculares (varizes em fase avançada) e cardiovasculares em geral;
  • Mulheres grávidas;
  • Formas graves de hérnia;
  • Prótese de quadril e joelho;
  • Epilepsia;
  • Uso de placas, parafusos e estruturas de osteossíntese em geral, “marcapasso” ou qualquer outro aparelho elétrico interno.
  • Tumores e processos metastásicos;
  • Estados inflamatórios causados por traumas de natureza músculo-esquelético;
  • Problemas nas cordas vocais;
  • Uso de diafragmas contraconceptivos;
  • Não utilizar após uma operação cirúrgica (pelo menos 2 meses), situação pós-traumática ou doença genérica transitória como cefaleira, lombalgia, etc., até que desapareçam os sintomas.

Faça o seu pré-agendamento agora.